Açorda de bacalhau

Esta receita de açorda de bacalhau é uma receita tradicional à moda Alentejana. É uma receita fácil que fica pronta em pouco mais de 30 minutos, isto sem contar com o tempo de demolhar o bacalhau. Dá para 4 pessoas.

Ingredientes
  • 300 g de bacalhau seco graúdo
  • 400 g de pão alentejano (da véspera)
  • 200 g de rabanetes
  • 4 ovos
  • 2 dentes de alho seco
  • 4 colheres de sopa de azeite
  • 1 raminho de coentros frescos
  • sal q. b.
Preparação

  1. Coze o bacalhau previamente demolhado (durante 36 horas). Retira o bacalhau e aproveita a água da cozedura (sem deixar ferver) para escalfar os ovos. Retira os ovos e reserva o caldo. Prepara um piso, esmagando num almofariz o azeite, os alhos descascados, os coentros lavados e escolhidos e o sal.

  2. Leva o caldo da cozedura do bacalhau ao lume e junta-lhe o piso assim que levantar fervura. Entretanto corta o pão em fatias ou pedaços e distribui pelos pratos.

  3. No momento de servir, deita o caldo sobre o pão, os ovos e o bacalhau já cortado em pedaços ou em lascas e acompanha com rodelas de rabanetes.

Bavaroise de café

Bavaroise de café á uma sobremesa fácil de preparar. É uma receita que dá para 6 pessoas embora leve cerca de 1 hora a ficar pronta, isto sem contar com o tempo de frio.

Ingredientes
  • 50 g de café torrado moído
  • 150 g de açúcar
  • 2 gemas
  • 2 dl de leite magro
  • 4 folhas de gelatina
  • 4 dl de natas
Preparação

  1. Leva o leite ao lume e deixa ferver. Junta o café moído, tapa e deixa repousar durante cerca de 10 minutos.

  2. Bate as gemas, numa tigela, com o açúcar até obteres uma mistura clara. Junta a mistura do leite com café e mexe bem. Deita num tacho e leva ao lume, mexendo sempre, até começar a ferver. Retira do lume, adiciona as folhas de gelatina previamente demolhadas, mexe e deixa arrefecer.

  3. Bate as natas em chantilly espesso, junta ao preparado anterior e mistura delicadamente. Deita para uma forma previamente passada por água fria e leva ao frigorífico até solidificar. Antes de servir mergulha a forma em água quente para desenformar e serve decorado ao teu gosto. 

Salada fria de sapateira e peixe

Esta salada fria de sapateira e peixe também pode ser servida como entrada. Especialmente apreciada em dias quentes é um prato que pode servido frio. É uma receita fácil que dá para 4 pessoas e leva cerca de 45 minutos a preparar.

Ingredientes
  • 1 sapateira pequena
  • 500 g de filetes de pescada
  • 1 pimento vermelho
  • 1 cebola
  • 1 lima
  • 1 ramos de salsa
  • 1 colher de sopa de ketchup
  • folhas de alface
  • sal e pimenta q. b.
Preparação

  1. Leva a sapateira a cozer em água temperada com sal e pimenta, durante cerca de 25 minutos. À parte coze os filetes juntamente com o pimento, cortado às tiras, em água temperada apenas com sal, durante 5 minutos. 

  2. Deixa a sapateira arrefecer, reserva as bocas inteiras e retira o miolo. Coloca dentro de uma tigela e tempera com sal, pimenta, o ketchup e metade do sumo da lima. Junta a cebola picada e mistura bem. Guarda. 

  3. Depois de fritos, dispõe os filetes no prato onde vão ser servidos. Complementa com as folhas de alface (muito bem lavadas), o pimento e a pasta de sapateira. Acrescenta as bocas da sapateira e decora com a restante lima e a salsa.

Espetadas de lulas com bacon

Esta receita de espetadas de lulas  é acompanhada com bacon. É uma receita economica e rápida pois fica pronta em pouco mais de meia hora. É muito fácil de preparar e dá para 4 pessoas.

Ingredientes
  • 800 g de lulas
  • 100 g de bacon
  • 1 cebola pequena
  • 1 pimento
  • sumo de 1 limão
  • 30 g de manteiga
  • sal e pimenta q. b.
Acompanhamento
  • 200 g de arroz carolino
  • 150 g de cenoura
  • 50 g de cebola
  • pedaços de lulas
  • 4 cl de vinho tinto
  • 3 cl de azeite
Preparação

  1. Depois de amanhares as lulas corta-as em pedaços e tempera com sal e pimenta ao teu gosto. Corta o bacon em cubos bem como o pimento e a cebola. Intercala a cebola e o bacon com as lulas. 

  2. Rega com o sumo do limão e leva à grelha bem quente. Despois de grelhadas as espetadas, coloca-as numa travessa decorada com gomos de limão e manteiga derretida.

  3. Faz um arroz caldoso com os pedaços que sobram das lulas. Leva ao lume o azeite com a cebola picada e deixa alourar. Adiciona as lulas em pedacitos e deixa refogar um pouco. 

  4. Acrescenta o vinho tinto, deixa apurar e junta um litro de água a ferver. Depois de ferver tempera com sal e junta o arroz carolino. Deixa cozer. Podes acompanhar com a cenoura crua ralada.

Faisão imperial

Este prato de faisão imperial, não podendo embora ser cozinhado com frequência, é de grande efeito. Qualquer refeição com este faisão torna-se extremamente requintada. No entanto é uma receita que leva cerca de 2 horas na sua preparação e mais 1 hora de cozedura. Dá para 6 pessoas.

Ingredientes
  • 1 faisão
  • 250 g de carne de porco limpa
  • 250 g de carne de vitela
  • 5 tiras grandes de toucinho
  • 200 g de manteiga ou margarina
  • 1 dl de natas
  • 1 trufa
  • 50 g de farinha
  • 2 ovos
  • 1 cálice do vinho do Porto seco
  • 1 cálice de brandy
  • sal, pimenta e noz-moscada q. b.
Para a guarnição
  • 30 dl de geleia
  • 150 g de fios de ovos (sem serem enxaropaos)
Preparação

  1. O faisão tem de ser morto de modo a não ferir a cabeça nem prejudicar as penas. Com um golpe transversal pelo lado do peito procura tirar a pele sem danificar as penas, mantendo inteiros o pescoço, as asas e as pernas e retirando apenas as coxas. 

  2. Nesta operação deves ter em atenção as vísceras e não deixar romper a pele do faisão. Se aparecer sangue à superficie, coloca no local um pouco de fécula para o sangue coagular. Retira as vísceras e guarda os miúdos. Com uma faca bem afiada separa a carne do faisão dos ossos. 

  3. Forra com as tiras de toucinho uma forma rectângular. Mistura a carne do faisão com as carnes de porco e de vitela passadas pela máquina de picar e junta os ovos, a farinha, a trufa picada, a margarina, o brandy, o vinho do Porto e as natas. 

  4. Tempera com sal, piementa e a noz-moscada ao teu gosto. Mistura tudo muito bem e deita o preparado na forma. Tapa com as pontas do toucinho e coloca um peso por cima. Leva a cozer ao forno, em banho-maria, durante 1 hora. 

  5. Desenforma o patê e deixa arrefecer. Corta-o depois em fatias. Coloca uma rodela de madeira, com cerca de 10 cm de diâmetro, forrada com papel prateado no centro do prato onde o faisão irá ser servido. Sobre esta põe uma armação de arame e coloca o faisão na posição que entenderes. À volta dispõe as fatias de patê e enfeita com os fios de ovos e triângulos de geleia.

Salada de ovos mimosa

Esta salada de ovos mimosa pode ser servida em qualquer altura do ano, no entanto ela pode ser enriquecida no verão com algumas fatias de pimentos assados ou crus e aromatizada com orégãos. É uma receita rápida e muito fácil de preparar. Pode ser servida como entrada e dá para 4 pessoas.

Ingredientes
  • 3 ovos
  • 4 tomates
  • 1 lata de atum
  • 6 filetes de anchova
  • 50 g de azeitonas pretas
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1 colher de sopa de mostarda branca
  • 1 colher de sopa de alcaparras
  • 1 colher de sopa de vinagre
  • 1 dente de alho e salsa q. b.
Preparação

  1. Escalda os tomates e corta-os às rodelas. Dispõe os tomates numa saladeira, previamente esfregada com o alho. Coloca por cima o atum e as anchovas aos bocadinhos, as alcaparras e as azeitonas descaroçadas. 

  2. Coze os ovos durante cerca de 10 minutos. Escorre e desfaz os ovos num passador de rede. Entretanto, faz um molho com a mostarda, o azeite e o vinagre e rega os tomates com este preparado. Cobre os ovos desfeitos e polvilha com a salsa finamente picada.

Tamboril em sal grosso com pêra e vinho tinto

Esta receita de tamboril em sal grosso acompanha com pêra e vinho tinto. O peixe assado no forno com uma camada generosa de sal não fica salgado no final. É uma receita fácil de preparar e dá para 4 pessoas. 

Ingredientes
  • 1 kg de tamboril
  • 1 kg de sal grosso
  • 1/2 cávena de sal fino
  • 2 pêras
  • 2 claras
  • folhas largas de espinafre
  • 1 colher de sobremesa de açucar de cana
  • 1/2 copo de vinho tinto
  • 1 colher de sopa de vinho branco
  • azeite e mel q. b.
Preparação

  1. Numa tigela, amassa os dois tipos de sal com as claras e o vinho. Limpa e lava bem o peixe. Envolve-o nas folhas de espinafre e coloca-o numa assadeira sobre uma camada da mistura de sal. Rega com um fio de azeite e cobre com o restante sal, comprimindo bem com as mãos.

  2. Leva ao forno pré-aquecido a 200º C durante cerca de 25 minutos. Descasca as pêras, corta aos pedaços compridos e cozinha numa frigideira com um pouco de mel, açucar de cana e o vino tinto. Retira o peixe do forno, quebra a crosta de sal e rejeita as folhas de espinafre. Retira o peixe e serve-o com pedaços de pêra.

Rolos de alho-francês com fiambre

Esta entrada de rolos de alho-francês com fiambre é fácil de preparar. É uma receita rápida e economica servindo 4 pessoas.

Ingredientes
  • 4 alhos franceses muito tenros
  • 3 ovos
  • fatias de fiambre q. b.
  • azeite
  • salsa
  • farinha
  • sal e pimenta q. b.
Preparação

  1. Limpa e lava os alhos franceses e coze-os em água com sal. Depois de escorridos corta-os em pedaços de 5 cm. Envolve cada um numa fatia de fiambre. Passa estes conjuntos pela farinha, de seguida por ovos batidos e frita-os em azeite. Escorre o excesso de gordura sobre papel absorvente e dispõe numa travessa. 

  2. Deita um pouco do mesmo azeite numa caçarola, aqueçe e polvilha com uma colher de sopa de farinha. Mistura rápidamente até começar a alourar. Adiciona, aos poucos, o caldo de cozer os alhos franceses, em quantidade suficiente para obteres um creme espesso. Polvilha com salsa picada, tempera com pimenta a gosto e deixa cozinhar apenas alguns segundos. Deita sobre os rolos e serve.

Gaspacho andaluz

Gaspacho andaluz é uma sopa gelada ideal para servires num dia de muito calor. Além de nutritivo também é muito decorativo pois as guarnições são servidas em separado. É uma receita economica e fácil de preparar. Fica pronta em pouco mais de meia hora e dá para 6 pessoas.

Ingredientes
  • 600 g de tomate
  • 2 pimentos verdes grandes
  • 1 pepino pequeno
  • 2 dentes de alho
  • 150 g de pão
  • 1 cebola
  • 3 colhres de sopa de azeite
  • 3 colhres de chá de vinagre
  • 7,5 dl de água
  • sal e pimenta q. b.
Preparação

  1. Corta o pão aos quadradinhos e deixa alourar no forno. Tira a pele e as grainhas aos tomates e corta metade destes aos cubos regulares. Guarda para a decoração. Corta também aos cubos um dos pimentos e metado do pepino. Descasca e pica a cebola grosseiramente guardando também metade para a decoração. 

  2. Descasca os dentes de alho e, num almofariz, pisa-os com sal grosso, juntamente com metade da porção do pão, o restante pimento, a metade restante do tomate, da cebola e do pepino. Quando todos os ingredientes formarem uma papa, deita numa terrina e adiciona o azeite e o vinagre.

  3. Tempera com sal e pimenta a gosto e dissolve este preparado com a água gelada. Serve em recipientes separados o pão, o pimento, o tomate e o pepino cortados em quadradinhos e a cebola picada. Podes também servir com azeitonas pretas. Num dia de muito calor coloca uma pedra de gelo em cada prato.